9.6.07

Basilisk

Mais um que estreia na SIC-Radical, que hoje vi pela primeira vez. Ao ver este episódio percebi porque antes nunca me entusiasmara por este anime bastante popular.

À primeira vista, o character design é interessante mas demasiado exagerado. Dentro do leque de personagens há, a meu ver, demasiados "monstros". Eu sei que este é um anime shounen e fantástico, num universo tradicional japonês, mas, para mim, Rurou ni Kenshin é o limite para personagens monstruosas e a raiar o limite do não-credível.

Apesar de não ter visto o primeiro episódio, este que vi era o terceiro, só através dos genéricos me apercebi, mais ou menos, de quem são os protagonistas da história. Neste episódio apenas percebi a existência de dois grupos de viandantes, onde o grupo que mais agiu assassinava de modo sangrento um terceiro grupo com que se cruzou e, pelo que percebi o líder desse grupo tem um fascínio ou curiosidade pelo líder do outro grupo, o protagonista desta história. Não percebi se são inimigos, amigos, rivais, parentes, totais desconhecidos, se têm alguma ambição ou objectivo em comum, etc...

Apesar de tudo ainda tenho alguma curiosidade em continuar a ver este anime tão diverso do que costumo ver, espero que entretanto a narrativa se torne mais explícita.

Basilisk
バジリスク~甲賀忍法帖~

 SIC-Radical

2 comentários:

Shinobi disse...

Olá Misato!

Deixo aqui um link para os 24 episódios de Basilisk,que um visitante do meu blogue teve a amabilidade de mo facultar.

Assim, se estiveres interessada poderás ver os dois primeiros episódios que perdeste. Eu tenho acompanhado a série via sic-radical, e não usei o link ainda, pois num assomo de masoquismo, prefiro esperar uma semana para ver o episódio seguinte, eh, eh, eh!

Eu estou simplesmente a adorar a série, embora tenha tido contacto primeiro com o filme "Shinobi:Heart Under Blade", que é precisamente baseado em "Basilisk".

A série é uma espécie de Romeu e Julieta, que se passa no Japão, na era Tokugawa (mais precisamente em 1614, salvo erro).
Existem dois clãs de ninjas muito poderosos,os Iga Tsubagakure e os Koga Manjidani, que são inimigos fidagais. No entanto, encontram-se impedidos de combater devido a um decreto com mais de 400 anos, emanado pelo primeiro Hattori Hanzou.
Acontece que o velho xógun Tokugawa levanta o decreto e autoriza que os Iga e os Koga combatam uns contra os outros, tendo como prémio a escolha do sucessor do xógun, para além de outras regalias.
O pior é que o neto do líder dos Koga (Gennosuke) e a neta da líder dos Iga (Oboro)estão apaixonados um pelo outro. Já estás a ver o género.

No episódio que viste, um grupo de Iga, ataca um grupo de Koga. O líder do grupo dos Iga é Tenzen, e tem de facto um fascínio pelo líder do outro que é precisamente Gennosuke, dos Koga. No entanto, não te deixes enganar. São inimigos de morte.

Cumprimentos e continuação do excelente trabalho que aqui tens feito!

Misato disse...

Isto é que é um comentário à séria!

Apesar da facilidade com que se arranjam hoje-em-dia anime pela net, eu também prefiro a ansiedade de esperar pelos episódios uma semana. Talvez seja por serem concebidos para ser consumidos assim... com pausas de uma semana entre episódios.

Obrigada Shinobi pelo comentário e elogios.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...